Quem sou eu?

Aline Vieira, 27, jornalistaAline Vieira tem 30 anos, é paulista, virginiana (alô, organização!) e acredita que não tem coisa que goste mais do que ouvir a história das pessoas. É formada em Jornalismo pela Universidade São Judas Tadeu e é doida para fazer um mestrado em Filosofia ou Psicologia.

Morou em Santa Bárbara, na Califórnia, onde estudou inglês com ênfase em Literatura, Cinema e Música, e onde ficou ainda mais obcecada por praia e verão (além de fast-food, skate e surfe, claro!). É apaixonada por viagens, livros e música.

Escreve diretamente do apê 51, onde vive com seus dois gatinhos: a Summer e o Alaska.

Estagiou no editorial do iG, em 2006, mas deixou o portal para fazer parte da equipe de entretenimento da CAPRICHO, da Editora Abril, onde trabalhou de 2007 até 2012. Também passou pelo portal M de Mulher e colaborou com algumas outras publicações da casa. Cansou do mesmo, resolveu aprender coisas novas e, então, assumiu os canais de entretenimento do Yahoo Brasil. Quis aprender mais ainda e, em 2014, começou a colaborar para o Draft. Em busca de um projeto que fizesse seus olhos brilharem ainda mais, deixou todos esses projetos em 2015, para trabalhar no Twitter.

Aline tem certeza que algumas pessoas têm medo de o mundo acabar antes de elas terem viajado o planeta inteiro, enquanto outras não querem ir embora sem antes contar umas verdades pra alguém – tipo “eu te amo”, sabe? A autora só tem medo mesmo é de morrer sem antes conhecer pelo menos 1001 pessoas que vão, de alguma maneira, mudar a sua vida. A contagem dessas pessoas começa meio tarde, mas começa aqui. E sim, todosos relatos são de pessoas verdadeiras.

Quer encontrar a Aline fora do 1001pessoas.com? Escolha a rede social de sua preferência ou mande um e-mail para o aline@1001pessoas.com.

Facebook
Twitter
Instagram
LinkedIn
– Snapchat:
alineavds

One thought on “Quem sou eu?

  1. oii tudo bem ? tenho 15 anos, gaúcha ( com orgulho tchê ) e sou escritora ( novata mas sou boa ( eu acho) ) dá pra ter um parenteses dentro de outro ?? ahh nao sei, mas finja que é normal. bom você poderia ler esse meu texto e dizer se ele é bom ? aceito até criticas construtivas..
    Lembranças de Montanha Russa
    Eu ainda lembro da sua risada louca, de quando ficamos abraçados no sofá, é esse mesmo sofá onde demos o nosso primeiro beijo. Lembro de cada estrofe e verso do seu poema favorito. Lembro dos seus livros favoritos e do jeito que tinha vergonha. Lembro do jeito que segurava o copo de cerveja e de como nunca me deixou beber. Lembro dos beijos roubados, das noites de insônia, dos mil e um textos de amor que escrevi a você, lembro das promessas de um futuro, casa, carro e filhos. Lembro dos planos de futuras viagens, dos passeios de mãos dadas, dos de carro e retornos mal feitos e certas rodovias. Lembro dos momentos sem folego, das idas e vindas, decidas e subidas, dos cafés das madrugadas, das musicas e dos filmes. Lembro do seu rosto, do sorriso, da forma como me mantinha segura, dos abraços, dos jantares, das saídas rápidas, lembro de tudo mas você deixou claro que não lembra nem do meu numero e então o seu bilhete da montanha russa expirou e você não quis renovar pois nunca gostou das subidas e decidas e eu ? bom você sempre soube que a montanha russa sempre foi meu brinquedo favorito uma pena que não seja o seu também
    -k.j
    obrigadinho

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *